Quarta-feira, 28 de Maio de 2008

 

 

 

 

Os tempos já não são o que eram, mas eu esqueço-me disso. Honestidade?! É comida para cachorros?! Que palavra é essa? Será que vem ainda nos novos dicionários que contemplam o acordo ortográfico???

 

Passo a explicar:

 

A minha filha precisava de material escolar para Educação Visual. Fiz a lista, que até nem era grande, e cheguei à conclusão que 4 euros deveriam chegar para a despesa.

Como a papelaria não é muito longe de casa, ela encarregou-se de ir comprar o material, na companhia de uma amiga. Mandei-lhe uma nota de 10 euros.

A miúda lá comprou o que tinha a comprar e trouxe-me o troco muito bem embrulhadinho à factura.

Ao verificar, constatei que a senhora da papelaria se tinha enganado no troco: A conta não chegava, de facto, aos 4 euros e fez o troco dos 10 euros, mas mandou a nota de volta. Ou seja, a Maria trouxe o material e ainda mais cerca de 16 euros.

Confesso que o meu primeiro pensamento foi: paciência... fui abençoada. Mas, depois, pensei que não seria correcto.

Afinal nem sabia se a dita senhora era a dona da papelaria ou uma empregada. E se tivesse de repor o dinheiro do seu bolso?.... Para além do mais, contei à minha filha e,  como a «honestidade» é uma coisa que ainda preservo, «peguei na miúda» e dirigimo-nos à loja.

 

- Boa tarde! Peço desculpa, mas houve um engano no troco.....

 

Nem me deixou acabar.

 

- Se houve deveria ter dado por ele logo na altura. Agora é tarde. Os trocos são para ser conferidos na hora e não passadas 2 horas.

 

Não imaginam com que arrogância e má criação foram ditas estas palavras.

 

Fique ESTUPEFACTA!

 

- Apenas lhe queria dizer que fez o troco de 10 euros, mas que também devolveu os 10 euros que a miúda lhe deu para pagar, mas mediante isto.... Obrigada!

 

Não esperei para ver a cara da senhora nem para ouvir a resposta....

 

Honestidade?????? Palavra em desuso.

 

 


sinto-me estupidamente estupefacta

publicado por Estupefacta às 15:22 | link do post | comentar

17 comentários:
De pindel a 28 de Maio de 2008 às 19:47
Olá.

Realmente honestidade e acima de tudo respeito já passaram de moda.

Concerteza a Sra. não vai voltar a ter aquela resposta para ninguém, e se por acaso era empregada só revelou não estar à altura do lugar que ocupava, pois o principal no atendimento ao público é a boa educação e simpatia.Pior que tudo teve de repor o valor em falta.Se era a dona da papelaria, fez muito bem em enganar-se.Concerteza o engano e depois de tanta arrogância contribuiram para a próxima vez que a sua filha precisar de materia, lhe ficar mais barato.cumprimentos.


De mudeidevida a 28 de Maio de 2008 às 21:26
Acredita que não lhe teria dado melhor resposta.
Imagino a cara dela. Deve ter ficado verde que nem um sapo.

Beijinhos


De Migas a 29 de Maio de 2008 às 00:13
Conheço quem lhe tenha acontecido o mesmo e fez precisamente o mesmo que tu.
Como diziamos em pequenas: "Bem feita!Toma, toma, toma!" Agora a fulaninha fica no prejuizo, sem massa nem material!
Para a próxima está caladinha e ouve primeiro!
Beijinho


De Jorge Soares a 29 de Maio de 2008 às 08:37
Olá

Nada como a resposta certa na hora, cada um tem aquilo que merece e essa senhora não merece mais.

A honestidade está definitivamente em vias de extinção.... mas ainda há pessoas como tu.

Beijinho
Jorge


De Genny a 29 de Maio de 2008 às 11:42
Boa, amiga! Excelente resposta ! Mas bem que eu gostava de ver a cara da mulher!!!


De Tânia A a 13 de Agosto de 2008 às 17:35
Parabéns pelo blog, gostei muito é uma pessoa fantastica e uma mãe fantástica pelo que pude ler. Vim aqui ter por acaso mas não resisti e estou a conhcer os cantos á casa.
Quanto a este post, ao meu marido acontecu a mesma coisa, foi por gasóleo com o cartão de frota da empresa onde trabalha e bebeu um café e comeu um bolo, pagou com 10€ e recebeu o troco mais a nota dele. Quando ia a sair e a guardar a nota, reparou que eram duas e voltou-se: "desculpe, enganou-se no troco..." imediatamente a funcionária responde "tivesse conferido á minha frente, agora que já mexeu na sua carteira é que reclama!!" Ele respondeu simplesmente: "Então quando ao fim do dia tiver que colocar 10€ na caixa, já sabe que fui eu que os levei. E obrigada pelo lanche" e saiu, a senhora ainda ia pedir desculpa, a ver se pegava, mas ele já não houviu o resto da frase


De 123 a 23 de Janeiro de 2012 às 15:50
Concordo com o que fez à dona/empregada da papelaria. Eu teria feito o mesmo! Assim, quando alguém lhe perguntar (o que seria raro) porque é que saiu da papelaria com mais dinheiro que antes diga que foi honesta em tentar devolver o troco, mas a senhora da papelaria não quis!

Xau,
Nizita (12 anos!!!)


Comentar post

mais sobre mim
online
Passaram por cá
PageRank
Dezembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
22
23
24
26

27
28
29
30
31


posts recentes

A Pensar em si

Bendito serás

Feminino Singular

Todos devemos ajudar

Ainda há milagres

Podia

Acordo ortográfico

Gostei de ver e ouvir

Intimidade ou higiéne?

É bonito

Sem título

Agitação social

Desde que

Preciso

A Estupefacta sou eu

Não consigo preparar-me

Como uma mulher pode alte...

Excelente ideia e melhor ...

Genes cor de rosa

E assim se tapa o Sol

arquivos
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape Add to Technorati Favorites View blog authority
Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa Top de Blogues
tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds