Quinta-feira, 7 de Junho de 2007

Não consinta – Denuncie!

 

Violência Doméstica é Crime


O Código Penal Português prevê e pune os crimes de violência doméstica.

Com as alterações ao Código Penal, introduzidas pela Lei n.º 7/2000, de 27 de Maio, o crime de maus tratos passou a assumir a natureza de crime público, o que significa que o procedimento criminal não está dependente de queixa por parte da vítima, bastando uma denúncia ou o conhecimento do crime, para que o Ministério Público promova o processo.

 

O procedimento criminal inicia-se com a notícia do crime, e pode ter lugar através da apresentação de queixa por parte da vítima de crime, ou da Denúncia do crime por qualquer pessoa ou entidade, numa Esquadra da PSP, Posto da GNR, Polícia Judiciária, ou directamente no Ministério Público;

Enquadramento Penal

O crime base é o crime de Maus tratos e infracção de regras de segurança previsto no artigo 152.º do Código Penal Português, cujo texto se transcreve:

Artigo 152.º do Código Penal

Maus tratos e infracção de regras de segurança

1 - Quem, tendo ao seu cuidado, à sua guarda, sob a responsabilidade da sua direcção ou educação, ou a trabalhar ao seu serviço, pessoa menor ou particularmente indefesa, em razão de idade, deficiência, doença ou gravidez, e:

a) Lhe infligir maus-tratos físicos ou psíquicos ou a tratar cruelmente;
b) A empregar em actividades perigosas, desumanas ou proibidas; ou
c) A sobrecarregar com trabalhos excessivos;

é punido com pena de prisão de 1 a 5 anos, se o facto não for punível pelo artigo 144.º

2 - A mesma pena é aplicável a quem infligir ao cônjuge, ou a quem com ele conviver em condições análogas às dos cônjuges, maus tratos físicos ou psíquicos.
3 - A mesma pena é também aplicável a quem infligir a progenitor de descendente comum em 1.º grau maus tratos físicos ou psíquicos.

 

 

Ainda assim, são configuráveis outros tipos de crime:

 

- Homicídio Qualificado (art. 132º, n.º2, alínea a), do Código Penal
- Ofensas à integridade física qualificadas (art.º 146º do Código Penal
- Ameaça (art.153º do Código Penal)
- Coacção (art.º 154º, n.º4 do Código Penal)
- Sequestro (art. 158º do Código Penal)
- Violação (art.º 164º do Código Penal)
- Crimes sexuais contra menores (art.ºs 173º a 176º do Código Penal)
- Agravação em função da qualidade do agente (art. 177º do Código Penal)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PORQUE ELA EXISTE. É UMA REALIDADE E BEM PERTO DE TODOS NÓS

 

 

 

 


sinto-me
música Quanto mais me bates, quanto mais gosto de ti...

publicado por Estupefacta às 00:11 | link do post | comentar

2 comentários:
De aspalavrasnuncatedirei a 7 de Junho de 2007 às 01:30
Olá!!!

A violência doméstica também mexe muito comigo. Um dia criei uma história baseada neste flagelo.
http://aspalavrasnuncatedirei.blogs.sapo.pt/37959.html

Bom feriado.


De Pituxinha a 7 de Junho de 2007 às 15:11
Esse problema, infelizmente, eu tb conheço... Como está o teu pai, amiga?
Espero noticias tuas. Beijinho com carinho, um bom resto de feriado e melhoras ao senhor teu pai.


Comentar post

mais sobre mim
Dezembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
22
23
24
26

27
28
29
30
31


posts recentes

A Pensar em si

Bendito serás

Feminino Singular

Todos devemos ajudar

Ainda há milagres

Podia

Acordo ortográfico

Gostei de ver e ouvir

Intimidade ou higiéne?

É bonito

Sem título

Agitação social

Desde que

Preciso

A Estupefacta sou eu

Não consigo preparar-me

Como uma mulher pode alte...

Excelente ideia e melhor ...

Genes cor de rosa

E assim se tapa o Sol

arquivos
tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds