Domingo, 24 de Fevereiro de 2008

 

 

 

 

Recados Para Orkut - RecadosOnline.com



publicado por Estupefacta às 10:29 | link do post | comentar

24 comentários:
De JoãoSousa a 24 de Fevereiro de 2008 às 10:33
lol! gira a historinha, apesar de nao caber nas minhas perspectivas! :D


De Estupefacta a 24 de Fevereiro de 2008 às 11:24
Olá João
Eu creio que nada acontece por acaso nas nossas vidas. Tudo tem um propósito.
Obrigada por teres vindo cá e volta sempre que queiras.
Beijinho e bom domingo


De tranquilidade a 25 de Fevereiro de 2008 às 10:12
olá, eu também acredito que nada acontece por acaso, mas se estiver sempre a acontecer coisas desagradáveis, o que pensar? é verdade que com os erros, com os momentos menos bons, podemos aprender muito! mas ao fim de algum tempo pensamos e agora pode ser a minha vez de correr sempre tudo bem, de ser feliz... beijinhos e continua a seres como demonstras ser


De Estupefacta a 26 de Fevereiro de 2008 às 06:37
Sabes Tranquilidade, por incrível que te possa parecer, até as coisas menos agradáveis nos trazem algum (muito) ensinamento. Tudo tem um propósito (é nisto que creio). As coisas desagradáveis muitas das vezes servem-nos para valorizarmos as coisas boas que nos acontecem e que tantas vezes deixamos que passem despercebidas.
É bom ter-te por cá e contar contigo. A Estupefacta é isto mesmo, tal como o demonstro ser aqui.
Um grande beijinho


De O Tal a 24 de Fevereiro de 2008 às 12:37
Amei este post! Continue com o seu blog....


De Estupefacta a 24 de Fevereiro de 2008 às 14:40
Obrigada Lud , ainda que fosse só por ti, valia a pena continuar.
Um grande beijinho


De Raquel a 25 de Fevereiro de 2008 às 07:46
Olá Amiga, ainda que venham coisas á nossa vida para nos destruir, devemos usa-las para nos Edificar e para aprender, e Deus sabe sempre até onde conseguimos carregar o fardo!
Beijinhos


De Estupefacta a 26 de Fevereiro de 2008 às 06:38
Tudo na vida contribui para o bem daqueles que amam a Deus. É nisto que eu creio.
Beijinho grande


De Just Moments a 25 de Fevereiro de 2008 às 13:10
Linda história de vida e de esperança..

Adorei amiga..

Beijinhos e uma boa semana


De Estupefacta a 26 de Fevereiro de 2008 às 06:39
Querida Dor, gosto muito de ti embora não te conheça pessoalmente. Sei que vais ser muito feliz, mereces.
Um grande beijinho


De Just Moments a 26 de Fevereiro de 2008 às 09:25
Olá Amiga..Bom dia..

Obrigada pela força....este sei que vais ser muito feliz alegrou-me..

Por outros lado..noto uma certa tristeza nos teus post..
Espero que estejas bem..

Beijinhos e um belo dia


De Estupefacta a 16 de Março de 2008 às 09:48
Mereces ser feliz....
Um grande beijinho.
A minha tristeza é momentânea... isto passa.
Obrigada por tudo.
Um grande beijinho


De cris a 25 de Fevereiro de 2008 às 17:05
Visitei hoje, pela primeira vez este blog e deparei-me com esta história.
Nos últimos anos a minha vida tem sido muito triste, por causa da doença de comportamento alimentar que tenho. Muitas das vezes também acho que a minha cruz é pesada demais para mim. Chego a pensar que Deus se esqueceu de mim.
Esta história fez-me pensar se eu não terei um arco-iris, no final, que ainda não consigo ver.
Quero acreditar que sim e vou tentar "carregar a minha cruz". Vou continuar a lutar para resolver a minha doença, em vez de estar à espera que Deus faça as coisas por mim. Ele dá-me as ferramentas. Eu é que não as tenho sabido utilizar.
Obrigada por esta história. As coisas não acontecem por acaso...


De Estupefacta a 26 de Fevereiro de 2008 às 06:43
Olá Cris
Pode parecer que Deus se tenha esquecido de ti, mas acredita que NÃO. Ele ama-te de igual forma como me ama e como ama a minha Maria. Deus tem um propósito para a tua vida e isso que estás a passar quem sabe não será um testemunho que possas dar para, mais tarde, poderes dar força e coragem a quem também possa estar a passar pelo mesmo.
NUNCA PERCAS A FÉ e a ESPERANÇA.
Ninguém carrega um cruz que não possa suportar, pensa nisso.
Um grande beijinho e eis-me aqui.


De cris a 25 de Fevereiro de 2008 às 17:06
Visitei hoje, pela primeira vez este blog e deparei-me com esta história.
Nos últimos anos a minha vida tem sido muito triste, por causa da doença de comportamento alimentar que tenho. Muitas das vezes também acho que a minha cruz é pesada demais para mim. Chego a pensar que Deus se esqueceu de mim.
Esta história fez-me pensar se eu não terei um arco-iris, no final, que ainda não consigo ver.
Quero acreditar que sim e vou tentar "carregar a minha cruz". Vou continuar a lutar para resolver a minha doença, em vez de estar à espera que Deus faça as coisas por mim. Ele dá-me as ferramentas. Eu é que não as tenho sabido utilizar.
Obrigada por esta história. As coisas não acontecem por acaso...


De Estupefacta a 16 de Março de 2008 às 09:50
Querida Cris , nunca percas a esperança. Um dia dou-te o meu testemunho. Também eu tenho comportamentos alimentares que não são normais. A verdade é que nunca ultrapassei o facto de ter excesso de peso.
Mas nunca desistas de acreditar. Vais ser capaz.
Força! Beijinho


De Júlia a 25 de Fevereiro de 2008 às 23:09
Minha amiga, que lindíssimo post!
Realmente quantas vezes nos queixamos da nossa vida e quantas vezes sem motivo, e quantas vezes queremos descartar dificuldades que só nos vão fortalecer ao longo da vida!
Uma lição de vida. Obrigada por partilhares connosco.


De Estupefacta a 26 de Fevereiro de 2008 às 06:45
Querida Júlia, lindas são sempre as tuas palavras. Há pessoas que desejo conhecer, porque sei que são aquilo que «faço delas», porque sei que não mentem, que não criam falsas personalidades, porque são «transparentes» e tu és uma delas.
Embora não tenha tido o tempo que desejava para te visitar (e nota-se pela hora a que estou a responder), quero que saibas que nunca me esqueço de ti.
Um grande beijinho com muita admiração e carinho


De Júlia a 26 de Fevereiro de 2008 às 09:39
Obrigada amiga.


De Estupefacta a 28 de Fevereiro de 2008 às 20:33
Fui sincera


De Maria a 26 de Fevereiro de 2008 às 11:05
Olá


Grande ensinamento, gostei


De Estupefacta a 28 de Fevereiro de 2008 às 20:34
Olá Maria
Obrigada pela visita e pelas palavras.
Um grande beijinho


De daplanicie a 26 de Fevereiro de 2008 às 21:18
Uma história maravilhosa que nos faz pensar nas vezes em que nos lamentamos pelos nossos pequenos dissabores sem nos lembrarmos de quem sofre bem mais do que nós sem se queixar.
Beijinhos


De Estupefacta a 28 de Fevereiro de 2008 às 20:36
Olá Luz Rosa
De facto muitas vezes damos grande importância a pequenos problemas e enfatizamo-los tanto que parecem do tamanho do mundo. Tudo tem um propósito e Deus não nos deixa levar uma «carga» que não possamos suportar.
Vou no dia 8 de Março à manifestação. Isto da Senhora Ministra já está a ser de mais.
Beijinho grande


Comentar post

mais sobre mim
online
Passaram por cá
PageRank
Dezembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
22
23
24
26

27
28
29
30
31


posts recentes

A Pensar em si

Bendito serás

Feminino Singular

Todos devemos ajudar

Ainda há milagres

Podia

Acordo ortográfico

Gostei de ver e ouvir

Intimidade ou higiéne?

É bonito

Sem título

Agitação social

Desde que

Preciso

A Estupefacta sou eu

Não consigo preparar-me

Como uma mulher pode alte...

Excelente ideia e melhor ...

Genes cor de rosa

E assim se tapa o Sol

arquivos
Page copy protected against web site content infringement by Copyscape Add to Technorati Favorites View blog authority
Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa Top de Blogues
tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds