Terça-feira, 19 de Junho de 2007

PORQUE TAMBÉM FAZ FALTA E MUITA

ORAÇÃO DO PAI NOSSO

Pai nosso que estais no Céu,

santificado seja o Vosso Nome,

venha a nós o Vosso reino,

seja feita a Vossa vontade,

assim na terra como no Céu.

O pão nosso de cada dia nos dai hoje;

 perdoai-nos as nossas ofensas,

 assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido,

e não nos deixeis cair em tentação,

mas livrai-nos do mal.

Amém.

 

AGORA CUIDADO, IMAGINE QUE DEUS LHE RESPONDE MESMO

Pai Nosso meditado

 

 

CRISTÃO: Pai nosso que estais no céu...
DEUS: Sim? Estou aqui.


CRISTÃO: Por favor, não me interrompa, estou a rezar!
DEUS: Mas tu chamaste-me!


CRISTÃO: Chamei? Eu não chamei ninguém. Estou rezar. Pai nosso que estais no céu...
DEUS: Aí, tu chamaste-me novamente.

CRISTÃO: Fiz o que?
DEUS: Chamaste-me-me. Disseste: Pai nosso que estais no céu. Estou aqui. No que é que te posso ajudar?

CRISTÃO: Mas eu não quis dizer isso. É que estou a rezar. Rezo o Pai Nosso todos os dias, e sinto-me bem ao fazer isto. É como se fosse um dever. E não me sinto bem se não o cumprir...
DEUS: Mas como podes dizer Pai Nosso, sem te lembrares que todos são teus irmãos, como podes dizer que estais no céu, se não sabes que o céu é a paz, que o céu é amar a todos?

CRISTÃO: É, realmente, ainda não tinha pensado nisso.
DEUS: Mas, prossegue a tua oração.

CRISTÃO: Santificado seja o Vosso nome...
DEUS: Espera aí! O que queres dizer com isso?

CRISTÃO: Quero dizer... quer dizer, é... sei lá o que significa. Como é que quer que eu saiba? Faz parte da oração, só isso!
DEUS: Santificado significa digno de respeito, Santo, Sagrado.

CRISTÃO: Agora entendi. Mas nunca tinha pensado no sentido da palavra.
SANTIFICADO ... "Venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu..."
DEUS: Estas a  falar a sério?

CRISTÃO: Claro! Porque não?
DEUS: E o que é que fazes para que isso aconteça?

CRISTÃO: O que faço? Nada! É que faz parte da oração, além disso seria bom que o Senhor tivesse um controle de tudo o que acontece no céu e na terra também.
DEUS: Tenho controle sobre ti?

CRISTÃO: Bem, eu até vou à igreja!
DEUS: Não foi essa a pegunta que fiz. De que modo tratas os teus  irmãos, de que  maneira gastas o teu dinheiro, o muito tempo que dedicas à televisão, as propagandas para as quais corres que nem louco, e o pouco tempo que dedicas a Mim?

CRISTÃO: Por favor. Pare de me criticar!
DEUS: Desculpa. Pensei que estavas a pedir para que fosse feita a minha vontade. Se isso vier a acontecer tem que ser com aqueles que rezam, mas que aceitam a minha vontade, o frio, o sol, a chuva, a natureza, a comunidade.

CRISTÃO: Está certo, tem razão. Acho que nunca aceito a sua vontade, porque passo a vida a reclamar de tudo: se chove, peço sol, se está  sol reclamo do calor, se está frio, continuo a reclamar, se estou doente peço saúde, mas não cuido dela, deixo de me alimentar ou como muito...
DEUS: Óptimo reconheceres tudo isso. Vamos trabalhar juntos Eu e tu, mas olha, vamos ter vitórias e derrotas. Eu estou a gostar desta tua nova atitude.

CRISTÃO: Olhe Senhor, preciso de terminar agora. Esta oração está a ser mais demorada do que é habitual. Vou continuar: "o pão nosso de cada dia nos daí hoje..."
DEUS: Pare aí! Você está a pedir-me pão material? Não só de pão vive o homem, mas também da minha palavra. Quando me pedires o pão, lembra-te daqueles que nem conhecem pão. Podes pedir-me o que quiseres, desde que me vejas como um Pai amoroso! Eu estou interessado na próxima parte de tua oração. Continua!

CRISTÃO: "Perdoai as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido"
DEUS: E o teu colega desprezado?

CRISTÃO: Está a ver? Olhe Senhor, ele já me criticou várias vezes e, ainda por cima,  não era verdade o que dizia. Agora não consigo perdoar. Tenho que me vingar.
DEUS: Mas, e tua oração? O que quer dizer a tua oração? Tu chamaste-me e eu estou aqui, quero que saias daqui transformado, estou a gostar de si porque está a ser honesto. Mas não é bom carregar o peso da ira dentro de ti, não achas?

CRISTÃO: Acho que sentir-me-ia muito melhor comigo se me vingasse!
DEUS: Não vais fazer isso, não vai não! Sentirte-ias muito pior. A vingança não é tão doce quanto pode parecer. Pensana tristeza que me causarias, pense na tua tristeza agora. Eu posso mudar tudo por ti e para ti. Basta quereres.

CRISTÃO: Pode? Mas como?
DEUS: Perdoa o teu colega, Eu também te perdoarei e te aliviarei.

CRISTÃO: Mas Senhor, eu não posso perdoá-lo.
DEUS: Então não me peças perdão também!

CRISTÃO: Mais uma vez está certo! Mais do que vingança, quero viver a paz do Senhor. Está bem, está bem; eu perdooa todos, mas ajude-me Senhor. Mostre-me o caminho certo,  para mim e os que me querem mal.
DEUS: Isto que estás a pedir é maravilhoso, estou muito feliz contigo. E, agora,  como te estás a sentir?

CRISTÃO: Bem, muito bem mesmo! Para falar a verdade, nunca me sentido assim! É tão bom falar com Deus.
DEUS: Ainda não terminamos a oração. Prossiga...

CRISTÃO: "E não deixeis cair em tentações, mas livrai-nos do mal..."
DEUS: Óptimo, vou fazer justamente isso, mas não procure situações onde possas ser tentado.

CRISTÃO: O que quer dizer com isso?
DEUS: Deixa de andar na companhia de pessoas que te levam a participar de coisas desonestas, em intrigas, em adultérios . Abandona a maldade, o ódio. Tudo isto só te leva a caminhos errados, à tua própria destruição. Não uses tudo isto como um escape, uma saída de emergência!

CRISTÃO: Não estou a perceber!
DEUS: Claro que percebes! Já fizeste isso várias vezes. Cometes erros e depois vens a correr pedir-me ajuda e socorro.

CRISTÃO: Bem, estou mesmo envergonhado!
DEUS: Tu pedes-me ajuda, mas de seguida voltas a fazer exactamente o mesmo, cometes os mesmos erros. Depois voltas e ainda por cima tentas fazer negócio comigo.

CRISTÃO: Estou com muita vergonha, perdoe-me Senhor!
DEUS: Claro que perdoo! Sempre perdoo a quem está disposto a perdoar também, mas não esqueças, quando me chamares, lembra-te da nossa conversa, medita em  cada palavra que disseres! Termina a tua oração.

CRISTÃO: Terminar? Há, sim, "Amém!"
DEUS: O que quer dizer amém?

CRISTÃO: Não sei. É o final da oração.
DEUS: Só deves dizer amém quando aceitas dizer tudo o que eu quero, quando concordas com minha vontade, quando segues os meus mandamentos, porque AMÉM quer dizer: assim seja, concordo com tudo o que orei.

CRISTÃO: Senhor, obrigado por ensinar-me esta oração e agora obrigado por fazer com que eu a compreendesse.
DEUS: Eu amo cada um dos meus filhos, amo mais ainda aqueles que querem sair do erro, que quiseram virar as costas ás coisas más. Abençoo-te e fica com minha paz!

CRISTÃO: Obrigado, Senhor! Estou muito feliz em saber que és meu amigo
.

 

 

 

 

 


sinto-me

publicado por Estupefacta às 06:03 | link do post | comentar

6 comentários:
De flor_incognita a 19 de Junho de 2007 às 18:20
Olá amiga...adorei este post...é verdade...nunca parei para pensar naquilo que digo...eu que até rezo todas as noites...nunca meditei sobre o que rezava...habituamo-nos somente a decorar...sem perceber o verdadeiro sentido daquilo que dizemos!


p.s. E aquela notícia...já foi confirmada?


beijinhos


De Estupefacta a 19 de Junho de 2007 às 23:49
Olá Flor
Fiquei tão triste... Não passou de altração hormonal.
Já estava a imaginar a barriguita a crescer
Obrigada por não te esqueceres.
Um grande beijinho


De aspalavrasnuncatedirei a 19 de Junho de 2007 às 19:34
Absolutamente fantástico. É bos saber que há sempre quem olhe por nós


De Estupefacta a 19 de Junho de 2007 às 23:51
Fazes-me rir.
Tens uma maneira muito engraçada e assertiva de dizer as coisas.
Beijunhos grandes e muitos e bons sonhos


De Pituxinha a 20 de Junho de 2007 às 00:07
Olá minha kerida k post maravilhoso! Dá k pensar realmente k nós rezamos, decoramos as orações e por vezes nem pensamos seriamente no verdadeiro significado das palavras... Olha a mim aconteceu algo parecido em relação akele assunto mas a mim não veio nada, talvez seja o fim... Minha kerida tens mais uma nomeação, desta vez no meu outro blog, no das cartas e poemas pituxinhapirikita... Beijos com muito, muito, muito carinho, de coração...


De Estupefacta a 20 de Junho de 2007 às 00:23
Olá Pituxinha
Já passei pelo teu blogue e já deixei um beijinho.
Agradeço a nomeação. És uma querida.
Fiquei triste com o resultado das análises, mas....
Um grande beijinho e obrigada


Comentar post

mais sobre mim
Dezembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
22
23
24
26

27
28
29
30
31


posts recentes

A Pensar em si

Bendito serás

Feminino Singular

Todos devemos ajudar

Ainda há milagres

Podia

Acordo ortográfico

Gostei de ver e ouvir

Intimidade ou higiéne?

É bonito

Sem título

Agitação social

Desde que

Preciso

A Estupefacta sou eu

Não consigo preparar-me

Como uma mulher pode alte...

Excelente ideia e melhor ...

Genes cor de rosa

E assim se tapa o Sol

arquivos
tags

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds